Sites para anúncio de médicos: Devo me preocupar?

Existem no mercado sites que disponibilizam serviços de “catálogo de profissional”, cujo banco de dados é alimentado pelos próprios médicos.

Acontece que este tipo de serviço já foi objeto de análise por Conselho Profissional, por disponibilizar recursos que vão de encontro com normas do CFM, o que faz exigir dos médicos uma atenção maior. Explicarei.

Sites do tipo possuem recursos ao público em geral que coloca em evidência exagerada certos profissionais da medicina que utilizam dos serviços, o que não é permitido pelo CFM, que proíbe ao médico autorizar que seu nome seja incluído em anúncio que possa destacá-lo como o “médico do ano”, “médico destaque”, “melhor médico”, entre outros adjetivos.

Outro recurso disponibilizado por serviços de anúncio é o que permite que pacientes ou terceiros, reiterado e/ou sistematicamente, publiquem elogios a técnicas ou resultados dos procedimentos realizados pelo médico (proibido, também, pelo CFM).

MÉDICOS E MÉDICAS: Se vocês fazem uso de serviços do gênero, fiquem atentos, pois poderão responder perante os seus respectivos CRMs.

Fechar Menu